Postagem em destaque

Bueiro sem tampa provoca perigo no centro de Pompéu

quarta-feira, 24 de abril de 2019

Dengue grave e Pronto atendimento superlotado deixa a saúde publica de Pompeu a beira do caos






Uma cidadão de Pompeu nos enviou o vídeo acima exibido onde relata ter ficado de  meio dia a seis da tarde no PAM para receber atendimento médico com suspeita de dengue.

Segundo ela e outras fontes mais dois casos suspeitos de dengue grave, popularmente chamada de dengue hemorrágica deram entrada no local.

Enquanto isso não se vê medidas concretas de combate a epidemia por parte das autoridades. Com isso a população é que sofre.

Cada uma deve fazer a sua parte limpando seu quintal e denunciando que não colaborar.

A assessoria de imprensa da Prefeitura na pessoa da Jornalista Letícia divulgou em uma rede social o telefone da ouvidoria 3523 2616 .

Precisamente as 15:06 o blog ligou para este número, o telefone chamou até desligar e ninguém atendeu. Pelo viso esta ouvidoria está surda.

alias, o descaso da administração com os cidadão leva a crer que toda administração está surda, cega e muda e invisível.

Que Deus proteja o povo de Pompeu.





Um comentário:

  1. Um descaso eu tava nesse dia. Minha avó com 85 anos com hemorragia. Glicemia baixa e pressão baixa a enfermeira Daniele que estava na triagem no dia colocou ela como caso leve. Demorou 2:20 para atende la. Só atendeu pq eu fiz barraco e ameacei chamar a polícia. Assim q o médico olhou ela levou ela para sala vermelha. Transferiu para sete lagoas com caso de dengue hemorrágica.. Mas infelizmente ela não aguentou veio a óbito.. ela deu entrada no Pam na sexta dia 19 feriado. Falaram q ela tava de infeção intestinal mandaram ela embora.. ela voltou no domingo dia 21 O médico disse q era virose. Minha mãe chegou a implorar para internar ela. Ele disse q o caso não era de internar ai na terça feira dia 23 ela piorou. Depois eu chingar ameaçar de chamar a polícia o médico olhou.. Como pode uma enfeita de triagem olhar ela como ela tava e falar q não era caso grave. Essa enfermeira não devia ta nesse cargo.. compartilhe aconteceu com minha família amanhã pode ser a sua família. O descaso foi grande só quem tava la viu. Só eu q senti na pele. PAM de Pompeu deixa as pessoas morrer.. quantas vidas vai perder para mudar.. cade a população para juntar e tirar esses "medicos".. obs: a diretora do PA veio conversar comigo depois do barraco. Ela q disse q o caso da minha avó estava como caso não grave.. agora me dizem. Uma idosa com sangramento pressão baixa.. Glicemia baixa.. Como isso não e grave.. era tão grave... segundo os médicos de Pompeu foi dengue hemorrágica..

    ResponderExcluir

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.