Postagem em destaque

Caos se instala no saneamento e na limpeza publica de Pompeu.

O blog compareceu nas imediações da Praça de Esportes de Pompeu onde o esgoto esta refluindo e correndo pelas imediações. Na Rua Inácio Co...

segunda-feira, 20 de agosto de 2018

Atuação da Policia consegue reduzir crimes violentos no Centro Oeste,diz estudo.


Registros de crimes violentos caem 34% no primeiro semestre de 2018 em Divinópolis

Dados da Sesp também apontam redução nos números da 7ª Região Integrada.




Por Matheus Garrôcho, G1 Centro-Oeste de Minas

19/08/2018 14h15 Atualizado há 21 horas




Índice de crimes violentos na maior cidade da região Centro-Oeste de Minas Gerais caiu 34%, aponta levantamento da Sesp (Foto: Davi Lucas)



O número de crimes violentos em Divinópolis caiu 34,08% no primeiro semestre de 2018 em relação ao mesmo período de 2017. Os dados são de um levantamento da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) a pedido do G1.


O relatório mostra que, entre janeiro e junho deste ano, foram registrados 822 crimes considerados violentos em Divinópolis. Em 2017, foram 1.247.


Na 7ª Região Integrada de Segurança Pública (Risp), que abrange os 51 municípios da 7ª Região da Polícia Militar e do 7º Departamento de Polícia Civil e tem sede em Divinópolis, o número também apresentou queda. Passou de 4.655 em 2017 para 3.102 em 2018 – uma redução de 33,36%.


São considerados crimes violentos: homicídios tentado e consumado, estupros tentado e consumado, roubos, extorsões mediante sequestro, sequestros e cárceres privados, além de roubos contra o patrimônio.
Índice de crimes violentos no primeiro semestre
Sesp apontou redução em Divinópolis e em municípios integrantes da 7ª Risp
Quantidade de ocorrênciasDivinópolis7ª Risp2017201801k2k3k4k5k
Fonte: Sesp


Em maio, o G1 publicou uma reportagem apontando redução de 61% no número de crimes violentos no primeiro quadrimestre do ano em Divinópolis. À época, o delegado regional, Leonardo Moreira Pio, creditou a redução à intensificação do policiamento na cidade, tanto pela PM quanto pela Polícia Civil.


Segundo os dados da Sesp, o número de homicídios registrados na cidade passou de 29, em 2017, para 26, em 2018. As tentativas de homicídio também apresentaram queda: de 36 no ano passado, o número caiu para 22 este ano. O número de roubos também diminuiu: foram registrados 744 roubos consumados até junho de 2018, contra 1.148 no mesmo período de 2017.



Entretanto, o número de tentativas de estupro na cidade aumentou: no ano passado, foram três registros. Já em 2018, foram cinco. Os estupros consumados, por sua vez, caíram pouco: de nove em 2017 para oito registros em 2018.
Índice de crimes violentos por natureza no primeiro semestre em Divinópolis

Quantidade de ocorrênciasHomicídio ConsumadoHomicídio tentadoEstupro consumadoEstupro tentadoEstupro de vulnerável consumadoEstupro de vulnerável tentadoSequestro e cárcere privado20172018010203040

2017
● Estupro tentado: 3

Fonte: Sesp


Os números de casos envolvendo estupro de vulnerável consumado, quando a vítima tem menos de 18 anos, também apresentaram queda.


Em 2017, até junho, foram 20 ocorrências. Já em 2018, 14. Entretanto, o número de casos tentados aumentou. No ano passado, nenhuma tentativa de estupro de vulnerável foi registrada. Já em 2018, um caso foi registrado na cidade.


Os dados apontam, ainda, que o número de casos envolvendo sequestro e cárcere privado se mantiveram: foram dois registros nos seis primeiros meses do ano tanto em 2017 quanto em 2018.

DIVINÓPOLIS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.