Postagem em destaque

PCC mandou Adélio matar Bolsonaro, diz Polícia

Adélio Bispo seria ‘velho amigo’ de membro do maior grupo criminoso do Brasil PUBLICADO EM 18/10/18 - 22h20 Da redação Pouco mais de um...

quarta-feira, 18 de abril de 2018

Delegado quer gravar depoimento em audio e nao mais em papel desta forma espera evitar que investigados mudem o depoimento na justiça.

Terça, 17 Abril 2018 12:33



Projeto piloto será utilizado durante as oitivas policiais.

O projeto inovador, está sendo idealizado pelo Delegado Regional de Varginha, Wellington Clair de Castro. Ele explica que esse novo projeto, consiste na gravação das oitivas. O processo que deixa de lado a transcrição, além de trazer uma significativa economia, de acordo com o delegado traz ganho de tempo dentro das delegacias de plantão.

As oitivas serão literalmente como ditas durante o interrogatório, de maneira que irá eliminar o consumo de papel, a paralisação para correções de textos e eventualmente o desperdício de material de escritório. Essa mídia será gravada e encaminhada para o Judiciário, onde todos os advogados, promotores e juízes poderão ter acesso, exatamente como foi dito na delegacia. Isso elimina uma prática comum, principalmente de autores de crimes presos em flagrantes, de dizer que na delegacia não foi aquilo que foi dito ou que teria sido coagido a assinar o termo de declaração”.

Ainda de acordo com o delegado, se for aceito, a ideia é que o projeto possa ser implantado em toda regional de Varginha. “A princípio é um projeto piloto em Minas, se ele der certo e tiver a aceitabilidade, tanto da chefia de polícia, como dos órgãos destinatários desse procedimento investigatório, acreditamos que haverá motivações para implementá-lo em todas as delegacias dessa regional e se Deus quiser em todo estado”, conclui.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.