Postagem em destaque

PCC mandou Adélio matar Bolsonaro, diz Polícia

Adélio Bispo seria ‘velho amigo’ de membro do maior grupo criminoso do Brasil PUBLICADO EM 18/10/18 - 22h20 Da redação Pouco mais de um...

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Olho por olho, dente por dente: PM despacha dois envolvidos na morte de Policial.












Autores do latrocínio foram localizados no Bairro Santos Dummont (Foto: Valdivan Veloso/G1)

Resultado de imagem para olho por olho dente por dente


Dois homens foram mortos durante uma troca de tiros com a Polícia Militar na tarde desta segunda-feira (19) em Montes Claros. Segundo as primeiras informações, eles são suspeitos de participação na morte de um policial militar na madrugada, durante um assalto em um restaurante, no Centro da cidade. Um dos suspeitos mortos teria sido o executor do PM.


Durante os levantamentos, militares descobriram que os autores do latrocínio eram da região da Vila Mauriceia. "Militares foram ao local do crime, o latrocínio contra o soldado Machado, e descobriram diversas marcas de sangue. Estas marcas foram seguidas e levaram à casa de um homem. Inclusive, ele foi quem fez a sutura no ferimento do autor do latrocínio", explica o capitão Frederico Lessa.


A polícia diz ainda que após ser socorrido na primeira residência, os criminosos buscaram abrigo em outra casa, também na Vila Mauriceia. "Este autor foi identificado, mas não foi localizado. Todos os envolvidos são contumazes em delitos, geralmente ligados ao tráfico de drogas", diz o major Geovani Rodrigues.


O autor que está foragido, segundo a PM, levou os dois criminosos até uma casa no Bairro Santos Dummont. O imóvel, de acordo com a PM, pertence ao cabo do Exército Brasileiro, Yan Mateus Mendes dos Santos. "Ainda durante os levantamentos, familiares deste militar do Exército informaram que ele tinha ligações com pessoas de índole duvidosa e já teriam o orientado a se afastar destas pessoas, mas pelo visto ele se negou a fazer", diz o major Geovani.


Na residência do militar, foram encontrados os dois criminosos. A polícia afirma que a dupla avistou a chegada dos policiais e atiraram; os militares revidaram. Pedro Henrique Cardoso Dias, de 21 anos, e Saulo Henrique Pereira Rodrigues, de 18, foram baleados; nenhum militar ficou ferido.


Os dois foram socorridos ao Hospital Santa Casa, mas a unidade informou que eles deram entrada na unidade já sem vida. Duas armas de fogo também foram apreendidas na residência do cabo do exército. A polícia acredita que elas tenham sido usadas durante os assaltos cometidos pela dupla.



"Temos como objetivo reduzir os índices de criminalidade. Temos uma meta de nas primeiras 24 horas colocar uma equipe de inteligência, de militares operosos, que precisam retirar estes malfeitores da sociedade. Exatamente, retiramos dois autores de possíveis outros homicídios", explica o comandante da 11ª Região de Polícia Militar, coronel Klevson Pires Martins.


O cabo do Exército, ainda de acordo com a PM, foi preso durante o serviço no Batalhão do Exército. A advogada do cabo Yan Mateus, Rejane Cardoso, informou que seu cliente nega as acusações e que a defesa vai esperar a apuração do caso para se posicionar.


Em nota, o 55º Batalhão de Infantaria do Exército lamentou o ocorrido e destacou que não compactua com qualquer comportamento que fuja dos princípios éticos e morais da sociedade. O comando acompanha o fato e colabora com as investigações.






Armas usadas no crime foram encontradas na casa do cabo do do Exército (Foto: Valdivan Veloso/G1)




Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.