Postagem em destaque

Justiça de Goiás manda prender médium João de Deus

Ele é acusado por mais de 300 mulheres de abuso sexual supostamente praticados em um centro espiritual no Estado de Goiás O Ministério Públ...

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Ladrão é chicoteado por moradores em Ipatinga e promete nunca mais roubar. O outro é amarrado e colocado em um formigueiro: veja o video.

OPIPOCO MONTEIRO | quinta-feira, abril 24, 2014 | 3 comentários
Um jovem identificado como Josimar Dias de Sena, 18 anos, foi amarrado por populares em um poste e somente de cueca, foi chicoteado com um fio de energia elétrica por um morador. Ele foi acusado de cometer furtos, na localidade de Morro do Sossego, na bairro de Veneza, na cidade de Ipatinga, em Minas Gerais.

De acordo com informações da TV Alterosa, Josimar foi encontrado pelos policiais com ferimentos nas costas, pernas e braços. Em depoimento, o suposto ladrão disse que foi obrigado a gritar que não roubaria mais naquela localidade enquanto apanhava. Josimar ainda confessou que não conhecia quem o surrou, mas se soubesse não diria, já que teria dívidas com traficantes da região e temia ser morto. A PM de Minas Gerais confirmou que ele tem várias passagens pela polícia por crimes variados.
 
Quando a polícia chegou ao local, não havia mais nenhum agressor, ninguém quis formalizar nenhuma acusação contra o jovem e por esse motivo ele foi caracterizado nesta ocorrência apenas como vítima.
:
Em outro caso o ladrão pego com a boca no botija foi amarrado e colocado sobre um formigueiro.
Veja o video, cuidado imagens forte.


4 comentários:

  1. Parabéns ao Experidião por postar a matéria e não tomar parte, você é um jornalista!

    ResponderExcluir
  2. como justiça ta deixando a muito a dejeijar isso vai se tornar comum em todo brasil a galera ta partindo pra cima.

    ResponderExcluir
  3. Apezar de tudo, tem certas cenas de tortura que deixa quem tem sentimento de ser humano um pouco traumatizado, como nesses videos aí. O que é preciso é dos linchadores amarrarem o ladrao e o resto é com a justiça, desde que essa justiça tbm mude eesas leis, porq do jeito q está, quem tem sangue frio acaba apelando como nesses videos aí. Mas eu nao tenho coragem te tirar sangue em ninguem assim.

    ResponderExcluir
  4. o maior problema é quando a multidão perde o controle e faz barbaridades como no caso do linchamento daquela dona de casa baseado apenas em boatos,um absurdo inimaginável. Agora um vagabundo como estes acima, pegos em flagrante roubando, tomar um coro bem dado, sem exceder o limite,não é matar,e dar um coro bem dado e amarrar num poste como exemplo pra todo mundo ver, não faz mal nenhum, é bom pra ver se cria vergonha na cara.

    ResponderExcluir

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.