Postagem em destaque

Unidade móvel leva atendimento odontológico gratuito à população em Pompéu

Sete mil procedimentos devem ser realizados na cidade até o dia 27 de março. Por G1 Centro-Oeste de Minas 19/01/2019 17h09 Atualizado há 21...

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

"Tadinho do meu marido" diz mulher que apanhava do esposo que foi abordado pela Policia roubou a arma baleou o PM e levou tiro.



Troca de tiros pouco antes do Réveillon deixou feridos em Copacabana (Foto: Daniel Silveira/G1)
Uma troca de tiros na Avenida Nossa Senhora de Copacabana deixou pelo menos cinco feridos no fim da noite desta terça-feira (31), poucos minutos antes da queima de fogos do Réveillon. O tiroteio começou depois que um homem que discutia com a mulher retirou a arma de um policial militar. Outros policiais reagiram.

A informação de que um policial teve a arma tomada antes do início do tiroteio foi confirmada pela própria mulher do suspeito, na 12ª DP  (Copacabana), para onde ela foi levada.
Entre os feridos, segundo policiais, está um PM. O suspeito de tomar a arma, identificado como Adilson Rufino, 34 anos, foi baleado e levado para o Hospital Miguel Couto. Rosilene de Azevedo, 37 anos, a mulher de Adilson, disse que estava sendo enforcada pelo marido quando os policiais o abordaram.
"Foi ciúmes do meu marido. Ele estava me enforcando e pedi socorro para a polícia. Eles chegaram batendo nele e não precisavam ter feito isso. Acabou tomando a arma de um dos policiais", contou à imprensa Rosilene, que, além do marido, estava acompanhada por duas crianças no momento do tiroteio.
O tiroteio aconteceu na altura da Rua República do Peru. O chão ficou sujo de sangue e foi isolado pela PM.
Às 3h30 desta quarta-feira (1), a mãe de uma das vitimas atingidas no tiroteio, Luciana Resse aguardava o filho, Renato, de 15 anos, no Hospital Miguel Couto. Ela confirma que os disparos aconteceram após uma briga de casal, e que um suspeito se atracou com um PM e acabou sacando uma arma: "Ele saiu atirando pra todo lado". Renato foi atingido no ombro, mas segundo Luciana, passa bem

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.