Postagem em destaque

Caos se instala no saneamento e na limpeza publica de Pompeu.

O blog compareceu nas imediações da Praça de Esportes de Pompeu onde o esgoto esta refluindo e correndo pelas imediações. Na Rua Inácio Co...

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Cachorros doentes preocupam moradores de Abaeté

Prefeitura confirma índice moderado da doença, mas alega que problema é de difícil solução

Enviar por e-mail
Imprimir
Aumentar letra
Diminur letra
Fonte Normal
 VISTA AEREA DA CIDADE E ABAETE
Na imagem, vista de Abaeté, onde doença amedronta população
PUBLICADO EM 06/01/14 - 04h00
Moradores de Abaeté, na região Central de Minas, reclamam do grande número de cães nas ruas e do alto índice de animais com sintomas de leishmaniose, doença que pode acometer também o homem e, em casos mais graves, levar à morte.

A estudante Viviane Assis, 24, perdeu um vizinho há cerca de um mês. “Essa doença não é brincadeira. Meu vizinho adoeceu e morreu em apenas 40 dias. Isso nos deixa mais apreensivos. Tenho uma cachorrinha e evito sair com ela”, afirma.
Outra moradora, que não quis se identificar, reclama que a prefeitura não se mobiliza para tratar ou recolher os animais doentes. “Estive na cidade vizinha de Pompéu e a prefeitura recolheu todos os cães doentes”.
Controle. A Secretaria Municipal de Saúde informou que a doença está sob controle e que tem feito um trabalho de prevenção seguindo as normas do Ministério da Saúde. “Realmente tivemos alguns casos, mas não é um surto. O índice de leishmaniose é considerado moderado. Temos só uma morte comprovada. É uma situação que vem se estendendo ao longo dos anos e que, agora, essa gestão encarou de frente. Não é problema simples”, diz a secretária, Cléia Oliveira.
Segundo ela, Abaeté não tem canil, o que justifica o grande número de cachorros nas ruas. “Temos o projeto de trabalhar com uma ONG para que ela faça o teste de leishmaniose em cada cachorro e acolha o animal suspeito até que se tenha o resultado da sorologia. A ideia é efetivar isso neste ano. Esse é a saída que eu tenho”, pondera.
Sintomas
Animais. 
Feridas, pelos quebradiços, nódulos na pele e fraqueza.

Homens. Febre, fraqueza, perda de apetite, aumento do baço e do fígado, sangramentos e problemas respiratórios, podendo levar à morte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.