Postagem em destaque

Fofão leva pedrada na cabeça em Pompéu.

Em uma confusão com bêbados que estavam em um bar no bairro Loteamento em Pompéu quem levou a pior foi o personagem Fofão que acompanha...

terça-feira, 2 de julho de 2013

Baderneiros transformam Minas Gerais na "casa da Mãe Joana" cidadãos de bem perderam o direito de ir i vir.

Manifestantes quebraram e incendiaram ônibus no protesto desta manhã na altura do km 517,2 no Bairro Liberdade. Outras rodovias também foram bloqueadas em mobilização de moradores

Publicação: 02/07/2013 12:23 Atualização: 02/07/2013 13:52

Ônibus queimado pelos manifestantes na BR-040, em Contagem (Edesio Ferreira/EM DA Press)
Ônibus queimado pelos manifestantes na BR-040, em Contagem
A BR-040, em Contagem, na Grande BH, foi liberada na tarde desta terça-feira depois de quase seis horas de interdição por protestos de moradores. Manifestantes bloquearam a rodovia na altura do km 517,2 no Bairro Liberdade, protagonizaram cenas de destruição a coletivos e provocaram um caos no trânsito.

O grupo exige melhorias no transporte coletivo da região, principalmente para as empresas que atendem a Ribeirão das Neves. Mesmo com redução da tarifa de ônibus de R$ 3,45 para R$ 3,00, mudança que começou a valer ontem, os passageiros continuam insatisfeitos com horários, condições dos veículos e quantidade de ônibus.
 (Edesio Ferreira/EM DA Press)
Durante o protestos, algumas pessoa deslocaram três coletivos para o meio da pista e os mantiveram atravessados. Eles esvaziaram os pneus, quebraram vidros, subiram no teto dos coletivos e atearam fogo. Os manifestantes promoveram cenas assustadoras com grande incêndios e labaredas na pista. 

Mais interdições

Na MG-020, em Jaboticatubas, moradores também fecham a pista. Eles criaram barricadas e impediram a passagem de veículos. A reivindicação é um pouco difusa e segundo a Polícia Militar (PM), o grupo pede melhorias na saúde, no abastecimento de água e nos serviços de telefonia. Até o fim a manhã, a estrada ainda estava fechada, pois os manifestantes exigem a presença do prefeito. 

No Anel Rodoviário de Belo Horizonte, moradores se reuniram às margens da pista para protestar. De acordo com a polícia, não ocorreu interdição da rodovia, mas o trânsito ficou lento no trecho da Vila São José, Região Noroeste da capital. A reivindicação é pela revitalização do Anel e por mais segurança para quem trafega na via. 

Na MG-050, também aconteceu um protesto perto do pedágio no km 86, em Itaúna. O trânsito foi liberado rapidamente. Os manifestantes questionam o valor cobrado pela concessionária que administra a pista, que atualmente é R$ 4,40 para carros, R$2,20 para motos e R$ 8,80 para veículos maiores. Na segunda-feira,o governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop), assinou o Termo Aditivo ao Contrato de Concessão da Parceria Público Privada da MG-050, a primeira PPP rodoviária do Brasil. No total, serão investidos R$ 524 milhões, com a previsão de intervenções em Mateus Leme, Itaúna, Carmo do Cajuru, Divinópolis, São Sebastião do Oeste, Formiga, Córrego Fundo, Piumhí, Capitólio, São João Batista do Glória, Alpinópolis, Passos, Itaú de Minas, Pratápolis, Fortaleza de Minas e São Sebastião do Paraíso.

Todas rodovias palco de manifestações hoje já estiveram fechadas, por algum momento, nos protestos dos últimos 20 dias. O governo obteve liminar na Justiça Federal que proíbe o bloqueio das rodovias federais, inclusive com multa de R$ 10 mil por hora aos responsáveis. A Advocacia-Geral da União informou que caberá à Polícia Rodoviária Federal (PRF) desobstruir as estradas federais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.