Postagem em destaque

Caos se instala no saneamento e na limpeza publica de Pompeu.

O blog compareceu nas imediações da Praça de Esportes de Pompeu onde o esgoto esta refluindo e correndo pelas imediações. Na Rua Inácio Co...

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Sindpol MG faz manifestação em Brasilia e é recebido pelo Presidente da Câmara


Comissão de policiais é recebida na presidência da Câmara
Uma comissão formada por Jânio Bosco Gandra (presidente da COBRAPOL), Inês Romero (SINPOCI/CE), André Gutierrez (Sinclapol e Feipol Sul), Antônio Marcos (SINDPOL /MG), Denilson Martins (representante da COBRAPOL no Conselho Nacional de Segurança Pública - CONASP) e Paulo Érica (SIPESP) entregou ao presidente da Câmara, deputado Eduardo Alves (PMDB-RN), as alterações propostas pela categoria no texto da Lei Geral da Polícia Civil (PL 1.449/07) e no Projeto de Lei Complementar (PLP) 554/10, que trata da aposentadoria especial dos servidores que trabalham em atividades de risco.
   
Gandra participou de audiência pública da Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público (CTASP) da Câmara que discutiu o substitutivo ao PLP 554. O presidente da COBRAPOL defendeu de forma contundente as alterações sugeridas pela categoria, afirmando que “a aposentadoria especial não é para o policial, mas para proteger a sociedade de policiais que estão doentes e sem condições de realizar o seu trabalho”, declarou.
   
   
A mobilização dos policiais civis em Brasília contou com caravanas dos Estados de Minas Gerais que vieram com três ônibus, Goiás, Paraná e representantes de Alagoas, São Paulo e Espírito Santo. Os manifestantes queimaram dez caixões como repúdio às mortes que diariamente acontecem no Brasil, resultado da falta de uma política nacional de segurança pública. “Foi um repúdio a ação do Executivo Federal que insiste em não valorizar o policial civil e tenta retirar direitos conquistados com muita luta nos Estados”, explicou Gandra.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.