Postagem em destaque

Crianças do meio rural vão ficar sem transporte para a escola em Pompeu.

O Presidente da Câmara Municipal de Pompeu, Vereador Paulo do Bar, afirmou nesta sexta feira (16) que a Secretaria da Educação informou na...

sábado, 13 de abril de 2013

População de Bom Despacho espera que crimes sejam apurados depois que a cidade recebeu o reforço de 3 Delegados


Da esquerda para a direita os delegados Raimundo Cançado, Ivan Lopes, Airson Pinheiro, Fabio Henrique e Alyson Henrique.
Da esquerda para a direita os delegados Raimundo Cançado, Ivan Lopes, Airson Pinheiro, Fabio Henrique e Alyson Henrique.
Começaram a trabalhar em Bom Despacho na última segunda feira, 25 de março, os três novos delegados da Polícia Civil designados para a cidade. Airson Jacob Pinheiro, 28, natural de Salvador (BA), Alyson Henrique Marques Xavier, 26, de João Pessoa (PB) e Fabio Henrique Xavier e Silva, 31, de Belo Horizonte, assumem seus cargos com a expectativa de recuperar o trabalho de investigação da Delegacia local.
Em entrevista exclusiva ao JORNAL DE NEGÓCIOS, o delegado regional da Polícia Civil em Bom Despacho, Ivan José Lopes, 39, explica a importância dos novos servidores para a cidade. E garante: "a bandidagem que se cuide, pois não vamos deixar barato".

JORNAL DE NEGÓCIOS - O que muda em Bom Despacho com a chegada dos novos delegados?
IVAN LOPES - A chegada de três delegados é importante porque vai dinamizar o trabalho de investigação e melhorar o atendimento ao publico de forma geral. Esses novos delegados vieram em muito boa hora, porque vários delegados da região se aposentaram e os poucos que restaram estavam muito sobrecarregados.

JN - Além dos delegados, está prevista a vinda de novos servidores para a Delegacia de Bom Despacho?
IVAN - Em janeiro deste ano recebemos três novos escrivães. Provavelmente iremos receber mais escrivães agora em maio. Além disso, até no meio do ano esperamos receber também mais 6 servidores para a área administrativa.

JN - Os recentes homicídios ocorridos em Bom Despacho deixaram a população revoltada. O que a Polícia Civil tem a dizer sobre isso?
IVAN - Esta sequência de homicídios que aconteceu de janeiro até agora não é motivo para pânico. É um momento em que precisamos ter atenção. Estamos investigando todos os casos e já temos as autorias da maioria deles. Precisamos de tempo para investigar cada caso de acordo com a lei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.