Postagem em destaque

Pai pede socorro para encontrar filho desaparecido desde setembro em Pompeu

O Sr. Antonio pediu ao blogue para divulgar o desaparecimento do seu filho Jhony que ocorreu em setembro de 2018. A moto usada pelo desa...

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Filiado recorre ao SINDPOL/MG, subsede Divinópolis, para transferência de hospital para a esposa gravemente enferma




O Investigador de Polícia Jairo Rodrigues Santiago,  passou por dias de angústia e revolta, a esposa, internada no hospital São João de Deus, devido a gravidade do seu estado de saúde precisava ser transferida urgente para o hospital do Ipsemg em Belo Horizonte, ao solicitar a transferência o médico responsável recebeu a informação de que no momento não havia leito disponível e nem previsão para tal, mesmo explicando a gravidade da situação a resposta foi de que nada poderia ser feito.
Após aguardar por quase duas semanas e tentar por inúmeras vezes contato com o IPSEMG, e sempre recebendo a negativa, Jairo Rodrigues acionou a Diretoria do SINDPOL/MG em Belo Horizonte e foi orientado a procurar a Subsede em Divinópolis, ao que, prontamente foi atendido em sua demanda.
O servidor fez denúncias graves no tocante a precariedade dos hospitais conveniados ao IPSEMG no interior; relatou que a esposa foi atendida somente por um clínico geral e não recebeu orientações de médicos especializados no seu problema de saúde, além de não ter condições de realizar todos os exames no hospital, houve dificuldades para os que exames que eram disponibilizados pelo hospital, “tivemos que chamar um advogado para que ela conseguisse fazer uma tomografia, isso é um absurdo”, denuncia o servidor. “Se não fosse o SINDPOL/MG e amigos da regional eu não sei o que poderia acontecer, agradeço a todos que me apoiaram e continuam me apoiando neste momento tão difícil da minha vida”, desabafa.


Policial Civil denuncia farsa da integração e disparidades entre PCMG e PMMG
De acordo com Jairo ele mesmo teve que arcar com todas as despesas da ambulância, pois, o hospital não disponibiliza, “ao contrário da PMMG não temos um hospital de primeiro mundo e eu não pude contar nem mesmo com as ambulâncias que estão disponibilizadas para a Polícia Militar aqui na cidade”. O investigador disse que recorreu ao Corpo de Bombeiros e responsáveis pelas ambulâncias da PMMG, e recebeu a resposta de que elas são disponibilizadas somente para membros da corporação. “Senti na pele a farsa da integração noticiada nas mídias por meio do Governo, nós, policiais civis, estamos jogados às traças, não honram nem mesmo o desconto no nosso contracheque; a integração é só falácia, e se a Polícia Civil recebesse os mesmos investimentos que a Polícia Militar certamente eu não passaria tamanha dificuldade e sofrimento”.  

Foto: Colaborador do SINDPOL/MG Divinópolis, "Fofão", Eliane Alves e Jairo Rodrigues

Um comentário:

  1. Caros colegas!!
    A minha esposa veio a falecer!
    Agradeço a todos pelo o apio recebido!
    escalreço a todos os usarios do IPSEMG que veem a serem intenados no HPS_São João de Deus, não aceitem a flasa declaração que o IPSEMG nãoe esta os pagando ou reembolsando as nossa internações, é uma grande menterira dos mesmos, pois são repasados em formas de pacotes de internações CR$ 30.000.000.00 milhoes de reias. Peço que so associdados do IPSEMG DENUCIE NO MINISTERIO PUBLICO QUANDO NEGAREM O SUPORTE MEDICO PREVISTO NO CONTRATO, TENHO COPIA AUTENTICADA DO CONTRATO.
    Por acaso do destino, o contrato chegou tarde em minhas mãos.
    Mas agradeços a todos os colegas .

    ResponderExcluir

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.