Postagem em destaque

Atenção pompeano, você está sendo filmado

Olho Vivo: 20 câmeras instaladas em Pompéu Até dezembro, serão 23 câmeras de vídeo monitoramento em tempo real. Em reunião do Gabinete...

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Policial Civil morre soterrada em explosão na Delegacia.


Dois foram retirados dos escombros e encaminhados para o HGE.
De acordo com a PM, outros dois policiais teriam ficados feridos.

Do G1 AL
6 comentários
Explosão deixou feridos no Tigre (Foto: Waldson Costa/G1)Estilhaços de vidro ficaram espalhados na
calçada. (Foto: Waldson Costa/G1)
Uma policial identificada como Maria Amélia Dantas morreu e outros quatro ficaram feridos em uma explosão na sede do Tático Integrado de Grupos de Resgates Especiais (Tigre) da Polícia Civil, de acordo com a polícia. Dois policiais que ficaram soterrados após a explosão foram resgatados e encaminhados em estado grave para o Hospital Geral do Estado (HGE). Outros dois policiais tiveram ferimentos leves.
A estrutura da delegacia ficou totalmente destruída. Apenas a fachada não foi abaixo. Segundo a polícia, a explosão aconteceu em uma sala de monitoramento onde eram armazenados explosivos, provavelmente de apreensões em ocorrências de assalto a bancos.
De acordo com o militar da Rádio Patrulha que chegou ao local logo após a explosão, o cheiro de gás era muito forte. Ele localizou um dos agentes que estava parcialmente soterrado, o que facilitou na busca pelas outras vítimas.
Explosão deixou feridos no Tigre (Foto: Waldson Costa/G1)Sete viaturas do Corpo de Bombeiros foram
encaminhadas ao local. (Foto: Waldson Costa/G1)
O secretário estadual de Defesa Social, Dário César, lamentou a morte da agente e disse que este é um momento de socorrer as vítimas e dar apoio às famílias e não de questionamentos sobre as causas da explosão.
Casas foram atingidas
O impacto da explosão foi tão forte que destruiu a vidraça de casas e estabelecimentos comerciais que ficam próximos à delegacia. Maria Jessé Rezende Costa, de 77 anos, que mora em frente ao Tigre, contou que havia acabado de sair de casa quando ocorreu a explosão. "O chão tremeu, achei que o mundo ia acabar. Corri para dentro de casa e quando cheguei vi os vidros quebrados, o forro do teto do quarto e da cozinha também caíram", relatou.
População fez um cordão humano para liberar saída de ambulância (Foto: Natalia Souza/G1)Agentes da Polícia Civil fizeram um cordão para liberar a saída de ambulância (Foto: Natalia Souza/G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.