Postagem em destaque

Caos se instala no saneamento e na limpeza publica de Pompeu.

O blog compareceu nas imediações da Praça de Esportes de Pompeu onde o esgoto esta refluindo e correndo pelas imediações. Na Rua Inácio Co...

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Nova Serrana: Nova Diretoria do Consep é eleita por aclamação

Decisão será contestada judicialmente sob alegação de que a aclamação foi realizada em desacordo com o estatuto da entidade

Foi realizada na sexta-feira (14) a reunião do Conselho Comunitário de Segurança Pública de Nova Serrana com o objetivo de eleger a nova diretoria para um mandato de dois anos. Havendo apenas uma chapa inscrita para concorrer a nova diretoria foi eleita por aclamação sendo empossada já na mesma reunião. A nova diretoria do Consep ficou constituída por presidente, Hudson Bruno de Lemos; vice presidente, Neide Maria Rodrigues; Primeiro Secretário, Ailton Célio Duarte; Segundo secretário, Adilson Pacheco Mariotti, primeiro tesoureiro Ângelo Aparecido Fonseca; segundo tesoureiro Caio Freitas de Sousa.
 
O conselho fiscal ficou assim constituído Cristina Roberta Rodrigues e Josiane Cristina Couto Mariotti, suplentes Hudson Henrique Magalhães, Rogério Reis Gaipo e Rildo Oliveira e Silva. A reunião contou com a presença de autoridades locais, atual diretoria e diretoria eleita além de representantes da imprensa local.
 
Após encerrada a reunião a equipe de reportagem do jornal O Popular conversou com o presidente eleito sobre os desafios que serão enfrentados por ele a frente do consep. Hudson Bruno afirmou que o objetivo principal de sua gestão será a busca de uma maior integração entre o conselho comunitário de segurança pública e a população bem como demonstrar a importância desse órgão para a segurança de Nova Serrana.
 
- A segurança é um dos maiores anseios de nossa comunidade hoje esse órgão tem então a função de buscar meio para que a segurança publica efetivamente aconteça para todos, afirma o novo presidente.
 
Hudson Bruno ressaltou ainda que a segurança publica é uma responsabilidade do estado e que fará uma cobrança mais efetiva para que eles dêem maior condição para que a polícia possa trabalhar. Um dos destaques do novo presidente foi o fato da nova sede da polícia militar ter sido construída para abrigar um batalhão e até o momento nenhuma medida foi tomada para que isso ocorresse continuando a ser companhia independente.
 
Irregularidades e traição
Insatisfeito com a decisão tomada pela atual diretoria de aclamar uma nova diretoria sem dar oportunidade para que outra chapa fosse composta para a disputar às eleições, Renato Correia procurou a reportagem do jornal O Popular e se declarou traído e surpreso.
 
- O presidente (Ailton Célio) me convidou para ser candidato a presidente do Consep, me explicou todos os trâmites legais e me apresentou ao comandante da 28ª Companhia Independente da Polícia Militar de Nova Serrana, Tenente Coronel Wagner de Assis Resende, como sendo a pessoa certa para assumir a presidência, afirma.
 
Renato conta que foi autorizado pelo então presidente, Ailton Célio, a atuar como um representante da entidade na busca de recursos para auxiliar na segurança da cidade.
Motivado pela expectativa iminente de assumir a presidência do Consep, Renato Correa levantou junto ao empresariado local a quantia de R$ 52 mil e graças a esse dinheiro providenciou a instalação de câmeras de monitoramento no Presídio de Nova Serrana, cerca elétrica e câmeras de monitoramento na sede da 28ª Companhia Independente da Polícia Militar, além de possibilitar o concerto de nove viaturas que se encontravam abandonadas no pátio da Prefeitura Municipal à espera de recursos. Algumas dessas viaturas estavam paradas há mais de um ano.
 
- Em três meses eu levantei recursos e beneficiei a segurança de Nova Serrana muito mais do que o Consep em toda sua história.
Apesar de ter sido divulgado não só por este bissemanário, mas por emissoras de TV da região várias vezes as ações de Renato Correa como representante do Consep, em nenhum momento a diretoria do órgão se manifestou contrária à atitude de Renato ou desmentiu sua representatividade, porém após a posse da nova diretoria o ex-presidente Ailton Célio Duarte afirmou que em momento nenhum Renato estava autorizado a usar o nome do Consep para o que quer que fosse.
 
Questionado se ele se sente usado pelo Consep Renato afirma que sim e questiona.
- Enquanto eu estava colocando o nome do Consep lá em cima ninguém reclamou de nada, agora eu não sirvo mais?
 
Caso de polícia
A eleição do Conselho Comunitário de Segurança Pública virou caso de polícia. Duas viaturas da Polícia Militar estiveram na sede do Consep e registraram um Boletim de Ocorrências a pedido de Renato Correa e de seu advogado. De posse do B.O. e do estatuto do órgão eles seguiram ao Fórum da Comarca de Nova Serrana onde apresentaram denúncia ao Ministério Público.
 
Eu não quero que a minha chapa seja beneficiada e empossada como foi feita com essa que tomou posse hoje, quero apenas que tenha o direito de concorrer em uma eleição justa, clara, transparente. O povo é quem vai decidir e escolher aqueles quem têm mais condição de assumir o cargo, declara Renato. A decisão de manter a diretoria empossada na sexta-feira (14) ou a realização de uma nova eleição será tomada judicialmente.
 
De acordo com Renato a chapa montada por ele para concorrer à direção do conselho estava composta por ele como presidente, vice presidente: Francisco Faria do Amaral (Kito), João Lindolfo como primeiro tesoureiro e demais membros, Antônio Ferreira (Tõe do Moreira), José Afonso, Glauber Faria Costa, Wellington (proprietário da indústria de Calçados Squadron) Antônio Lúcio e Telismar Ferreira Amaral.
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.