Postagem em destaque

Caos se instala no saneamento e na limpeza publica de Pompeu.

O blog compareceu nas imediações da Praça de Esportes de Pompeu onde o esgoto esta refluindo e correndo pelas imediações. Na Rua Inácio Co...

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Ação de sindicato para prejudicar o desenvolvimento e a valorização nacional dos policiais civis “cai por terra” mais uma vez

Em decisão judicial exemplar, Justiça Federal rejeita pedido do Sindicato dos Detetives de Minas Gerais para cancelar o registro da COBRAPOL, fato que em muito prejudicaria as demandas patrocinadas pela nossa entidade nacional em defesa dos projetos positivos para a Polícia Civil. A razão de toda essa fragmentação e reside na ganância para “abocanhar” os recursos do imposto sindical arrecadado compulsoriamente dos policiais civis em Minas e todo o Brasil trazido com a novidade da Portaria 186/2008, de lá para cá centenas de sindicatos têm sido criados, muitos até de forma fraudulenta, com a única finalidade de apropriação indevida destes recursos. Aqui em Minas Gerais, um grupo de policiais inescrupulosos criou o SINDETIPOL, “representando” uma carreira extinta, que não mais existe no mundo jurídico, com a finalidade de enriquecimento ilícito sem prestar um serviço sequer aos policiais e sociedade. O SINDPOL/MG, a COBRAPOL e todos os policiais civis do Brasil estão sendo muito prejudicados pela iniciativa negativa dessas pessoas que têm demandado judicialmente, apresentando provas forjadas para tumultuar o processo de valorização da classe policial em Minas Gerais e no Brasil. o SINDPOL/MG e a COBRAPOL estão agindo atentamente para garantir e proteger os legítimos interesses da classe policial.
 






Fonte: Portal SINDPOL/MG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço de comentários do blog são moderados. Não serão aceitas as seguintes mensagens:
Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
Com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
Com conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; acusações sem provas, citando nomes de pessoas, se deseja fazer algum tipo de denúncia envie por e-mail que vamos averiguar a veracidade das denúncias, sendo esta verdadeira e de interesse coletivo será divulgada, resguardando a fonte.
Com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; Que caracterizem prática de spam;
Fora do contexto do blog.
O Blog do Experidião:
Não se responsabiliza pelos comentários dos freqüentadores do blog;
Se reserva o direito de, a qualquer tempo e a seu exclusivo critério, retirar qualquer mensagem que possa ser interpretada contrária a estas regras ou às normas legais em vigor;
Não se responsabiliza por qualquer dano supostamente decorrente do uso deste serviço perante usuários ou quaisquer terceiros;
Se reserva o direito de modificar as regras acima a qualquer momento, a seu exclusivo critério.